© 2014 - Website Petropolitano Foot-Ball Club - Todos os Direitos Reservados. Criação IFS - Ideas For Sports

Telefone: Sede Social (Centro) 24 2242-4949 

                  Sede Esportiva (Valparaíso) 24 3302-2001

                  Whatsapp:  24 99289-0380

  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic
Siga-nos

04/07/2017

Please reload

Notícias Recentes

Entrevista: Berg, coordenador do Projeto social do Petrô

05/12/2014

O Projeto Petrô nas Comunidades atua desde 2009 na cidade promovendo inclusão social. Oferece oportunidades aos jovens petropolitanos. Com esse intuito, o coordenador do Projeto, o professor Leandro Kronemberger, planeja realizar em 2015 o Torneio Alternado das Comunidades para manter os jovens que ainda não podem ser atendidos pelo projeto a ficarem motivados com a prática esportiva.

 

 

 

Foco Desportivo: O que é exatamente o Projeto?

Leandro Kronemberger: O Projeto é uma ação de inclusão, educação, oportunidades, disciplina, saúde, cidadania e integração. Podemos dizer que através do Projeto Esportivo podemos alcançar a essência da formação ideal para os jovens.

 

FD: Como surgiu a idéia da criação do projeto de inclusão social?

LK: Trabalho com categorias de base (competição e escolinhas esportivas) desde 1988, no segmento de competição você trabalha com um processo seletivo, joga o melhor; e nas escolinhas esportivas na sua grande maioria são crianças e jovens que podem arcar com o investimento de uniforme, professor, aluguel de espaço e eventos. Apesar de sempre destinar bolsas para crianças que não eram os melhores ou não podiam arcar com este investimento a procura para a prática esportiva era muito grande e não podíamos absorver todos esses jovens, então sempre tivemos a ideia de fazer algo que desse oportunidade a todos, independente de qualidade técnica ou financeira.

 

FD: Quais os esportes e atividades oferecidas aos jovens?

LK: Futebol, Basquete, Vôlei e Futsal.

 

FD: Como o Projeto atua?

LK: Dando oportunidade aqueles que não têm acesso as equipes e escolinhas esportivas e procurando auxiliar as famílias na formação de suas crianças e jovens.

 

FD: Em quais comunidades ele atua hoje?

LK: Já estivemos em 23 comunidades fora o trabalho no Núcleo central, que é a sede Esportiva do clube. Mas se tornou impossível sem um parceiro a manutenção do Projeto em tantas localidades. Hoje funcionamos com o Projeto no clube e nas comunidades Osvaldo Cruz e Lopes de Castro.

 

FD: Com ele é introduzido nas comunidades?

LK: Primeiramente analisamos se a Comunidade tem espaço para prática esportiva e se no local carece de projetos esportivos, podemos dizer que Petrópolis é 100% carente de ações sociais esportivas, não estou dizendo que não tem trabalho, mas são isolados (como o nosso) e com isso não conseguem dar uma amplitude maior, precisamos de mais envolvimento do Poder público. Voltando a implantação, depois dessa avaliação procuramos o Presidente da Associação de moradores ou líder comunitário, ele autoriza a implantação, divulgamos, cadastramos os alunos e iniciamos os trabalhos. A efetividade e agilidade são essenciais, se burocratizarmos não sai do papel.

 

FD: Quantos são os alunos beneficiados pelo Projeto?

LK: Chegamos a ter 3.000 alunos, hoje desenvolvemos com aproximadamente 900 jovens mais aqueles que participam das equipes e escolas esportivas do clube atingimos aproximadamente 1.500 jovens.

 

FD: Há possibilidade de expansão do número de comunidades e beneficiados com a ação social oferecida?

LK: Sim. Mas dependemos de parceiros.

 

FD: Quais são os planos para 2015?

LK: Já que ainda não conseguimos os parceiros para voltarmos a atender todas as comunidades, vamos realizar Torneios alternados nas Comunidades, com isso vamos manter essas crianças motivadas com a prática esportiva. Vamos também manter o trabalho na Osvaldo Cruz e Lopes de Castro e tentar crescer o número de alunos no núcleo do Petrô (Sede Esportiva).

 

FD: Como vai funcionar esse Torneio?

LK: Nós vamos elaborar um calendário e as faixas etárias, aonde em cada final de semana estaremos realizando em uma Comunidade um Torneio Interno. Dividiremos as crianças em equipes (cores diferentes de coletes) e ao final dos jogos os atletas serão premiados com medalhas.

 

FD: Quais os benefícios que traz as comunidades?

LK: De imediato a parceria com as famílias, auxiliando na orientação e formação dos

jovens. Também motivamos lideres esportivos das comunidades a promoverem o esporte diariamente nos espaços físicos esportivos. O outro beneficio é que orientamos e auxiliamos em projetos para que esses espaços esportivos sofram melhorias para dar mais segurança e qualidade para o uso pela comunidade como um todo.

 

Please reload

  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic